Mesmo contra o pior dos inimigos, o Agricultor Biológico resiste à utilização de “armas químicas”. O Caracol, o Pulgão e a Mosca Branca podem trazer muitas dores de cabeça, mas há que lembrar que a Natureza pode ser o seu melhor aliado contra qualquer uma destas pragas.

Aves, insetos, anfíbios, aromáticas ou até alguns legumes podem ser um caminho, seguro e saudável, de proteger a horta! Deixamos aqui algumas dicas do que deve plantar, que predadores atrair e que truques pode experimentar para combater qualquer um destes três vilões.

Caracol, Pulgão e Mosca Branca, os grandes vilões da horta!

As sorrateiras Moscas Brancas

De corpo amarelado e com as asas cobertas de uma espécie de pó branco, a Mosca Branca é uma praga bastante comum que prolifera com alguma facilidade. Instalada, geralmente, nas “costas” da folha alimenta-se da seiva da planta, provocando o seu enfraquecimento e atrofiando o seu crescimento. Além disso, a Mosca Branca propicia o desenvolvimento de um fungo, a fumagina, que pode prejudicar o processo de fotossíntese da planta. A prevenção é o melhor caminho para evitar este tipo de praga, mas caso identifique a presença destas Moscas o ideal é colher a planta atacada e queimar ou enterrar a vítima, para evitar a propagação.

O que plantar:
Os Coentros, o Manjericão e a Calêndula são repelentes naturais que ajudam a afastar as Moscas Brancas da horta. Plante entre as culturas ou numa espécie de “muralha” ao redor da plantação.

O predador natural:
Os Crisopas são os inimigos por excelência da Mosca Branca, pode atrair estes soldados para a horta plantando Endro, Funcho ou Dente de Leão.

O truque:
As Moscas Brancas são atraídas pela cor amarela. Uma etiqueta, um pedaço de lona ou uma garrafa desta cor, untada de óleo vegetal ou azeite, pode ser uma boa armadilha para atrair e capturar as Moscas Brancas.

Os perigos do Pulgão

O pulgão é o grande difusor de vírus da horta, uma ameaça para quase todo o tipo de plantas. Verdes, amarelos ou pretos os Pulgões ficam geralmente alojados nas folhas mais jovens ou recém brotadas e provocam uma redução do crescimento e da produtividade das plantas, afetando sobretudo as flores e os frutos.
As formigas são suas cumplices, defendem os Pulgões porque beneficiam da extração de açucares da planta que estes fazem. Além de os proteger dos predadores, as formigas transportam os Pulgões para novas paragens, que é como quem diz para as plantas ainda saudáveis.

O que plantar:
Plante Alho ou Cebola entre culturas, por serem um repelente natural destes insetos, podem ajudar a proteger a sua horta. A Salsa, a Menta ou a Erva cidreira também podem ajudar na prevenção do seu aparecimento.

O predador natural:
As grandes heroínas da horta voltam a aparecer, as Joaninhas são muito eficazes contra os Pulgões. Plante Calêndula, Coentros, Endro ou Funcho para atrair estas que são as principais predadoras do Pulgão.

O truque:
Passe uma cotonete ou palito pela folha afetada ou utilize um jato de água minimamente forte para limpar a folha e retirar os parasitas.

Caracol, Pulgão e Mosca Branca, os grandes vilões da horta!
Caracol, Pulgão e Mosca Branca, os grandes vilões da horta!

O “maldito” do Caracol

Apesar de ter fama de lento, o Caracol pode provocar danos consideráveis na horta da noite para o dia. Além de danificarem folhas, caules, flores e bulbos, são muito dados à reprodução, pelo que podem multiplicar-se rapidamente pelo seu jardim.

O que plantar:
Plante Anis ou Capuchinhas na horta ou perto dela, estas plantas são repelentes naturais para Caracóis e Lesmas.

O predador natural:
Os lagartos, ouriços cacheiros e sapos são predadores efetivos contra o Caracol. Criar abrigos para ouriços, lagartos e lagartixas com pequenas pedras ou ter água por perto, pode ajudar a atrair estes auxiliares.

O truque:
Colocar cascas de ovo à volta das plantas mais vulneráveis ou, até, ao redor da horta. Além dos caracóis evitarem passar por cima das cascas afiadas, estas podem contribuir para o aumento de nutrientes disponíveis no seu substrato.

Agora que já está preparado para combater estes inimigos da horta, saiba que nem todos os insetos são “maus da fita”.